Perguntas frequentes sobre a perseguição cristã

  • Home
  • Perguntas frequentes sobre a perseguição cristã

A seguir estão algumas das perguntas mais frequentes sobre a perseguição cristã que recebemos. Se você tem uma pergunta e a resposta não está abaixo, envie um e-mail para falecom@clamordosmartires.org.br e vamos tentar respondê-la em 3-4 dias." Colocar o link para "mail to" onde temos o e-mail, de maneira que ao clicar seja aberto o sistema de e-mail.

O que é perseguição cristã?
O que é um martir cristão?
Por que os cristãos são perseguidos?
A verdadeira razão da perseguição
É possível eu apoiar um indivíduo em particular ou uma família?
Por que a minha igreja não fala sobre a perseguição dos cristãos?
Quantos cristãos são perseguidos por sua fé a cada ano?
O Pastor Wurmbrand ainda está envolvido com o ministério?
Como posso me envolver mais com Clamor dos Mártires?
Como posso saber que as Bíblias são enviadas às pessoas certas?
Você pode dar alguma informação pessoal sobre alguém que lê a respeito nos boletins de notícias? (Ou seja, nome da esposa, número de filhos, aniversários, aniversários, idade).

Você poderia me enviar o nome e o endereço de uma pessoa em uma nação restrita?
A Clamor dos Mártires trabalha em quantos países?
Estou interessado em ir ao exterior para ajudar. Vocês fazem viagens de missões?
Acabei de descobrir sobre a Clamor dos Mártires, você pode me falar sobre o seu ministério?
No momento, qual é a maior necessidade?
Por que vocês gastam tanto em suas revistas de notícias com a cor e o tamanho que é impresso?
Qual é a sua política de permissão de reimpressão?
Você tem uma opção para fazer doações automáticas através de contas correntes ou cartões de crédito?

O que é Perseguição Cristã?

Perseguição: Uma situação em que as pessoas são repetidamente, persistentemente e sistematicamente infligidas com sofrimento ou danos graves ou graves e privadas (ou ameaçadas de forma significativa de privação) de seus direitos humanos básicos devido a uma diferença (raça, religião, nacionalidade, opinião política, adesão a um grupo social particular) que o perseguidor não tolera. Para distinguir a perseguição religiosa de outros tipos, é interessante perguntar: "Se uma pessoa tivesse outras crenças religiosas ou mudasse sua
religião para a religião majoritária do país, as coisas ficariam melhores para eles? Se a resposta for sim, Então parece que a perseguição é por motivos religiosos.

Topo

O que é um martir cristão?

Ao ministrar à igreja perseguida, é importante que exista uma compreensão comum do que exatamente é um mártir. A palavra vem do grego (martus) e originalmente significava simplesmente uma testemunha. A palavra tem um amplo leque de significados no Novo Testamento que vão desde:

1. testemunhar em um tribunal de justiça (Mateus 18:16, 26:65, Atos 6:13, 7:58, Hebreus 10:28, 1 Timóteo 5:19)

2. um que dê testemunho da verdade do que ele viu ou conheceu (Lucas 24:48, Atos 1: 8,22, Romanos 1: 9; 1 Tessalonicenses 2: 5; 1 João 1: 2)

3. um significado mais específico daquele que dá testemunho da verdade e sofre até a morte na causa de Cristo (Atos 22:20, Apocalipse 2:13, Apocalipse 17: 6).

Como observado no último significado, no final do século I, o termo evoluiu para um título próprio para se referir àqueles que testemunharam a fidelidade de Deus e seu compromisso com Ele por:

1. escolher sofrer a morte em vez de negar Cristo ou Sua obra

2. sacrificar algo de importância para promover o Reino de Deus

3. suportar um grande sofrimento por seu testemunho e/ou identidade cristã. O componente crítico é que um mártir sofre e/ou é morto especificamente por causa de seu testemunho ou identidade como um cristão.

Testemunhar da verdade. Verdade esta que diz que Jesus veio, que Jesus Morreu, ressuscitou, está a com Deus Pai, e que Ele voltará. Simples assim. E ainda que simples esta verdade, muitos estão correndo sérios riscos. CdM está trabalhando em mais de 64 países que são restritos ou hostis para a disseminação do Evangelho.

Topo

Por que os cristãos são perseguidos?

Onde quer que os cristãos vão, eles experimentam oposição. Mas em certos países, esta perseguição é particularmente severa.

Em algumas nações, a política ou prática do governo impede que os cristãos obtenham Bíblias e se reúnam, e as leis anticristãs levam à perseguição ou prisão de crentes por seu testemunho.

Em outras áreas, os cristãos são rotineiramente perseguidos por familiares, vizinhos ou grupos rebeldes, apesar da proteção que o governo oferece.

Em países como a Colômbia e a Nigéria, os cristãos enfrentam guerras civis e outros conflitos por defenderem sua fé.

Hinduísmo:

As nações majoritárias hindus aplicam leis anti-conversão, tentando forçar novos cristãos a reconverterem-se ao hinduísmo e processando os evangelistas por supostamente realizarem conversões forçadas ao Cristianismo. Grupos políticos que querem estabelecer uma nação puramente hindu, como na Índia ou no Nepal, muitas vezes usam táticas violentas para tentarem erradicar os cristãos da área.

Comunismo:

Os governos comunistas querem controle. Mas não conseguem controlar o crescimento rápido do cristianismo em países como Vietnã e China. As restrições governamentais tornam a vida e o ministério cristão muito difícil. Pastores e líderes são presos, interrogados e encarcerados na tentativa de deter a Igreja.

Islamismo:

De acordo com a corrente mais radical do Islã, a apostasia (rejeitar a sua religião) é um crime que exige a pena de morte. Quando um muçulmano converte do Islã para o cristianismo, traz vergonha à sua família. Ele está abandonando sua herança, sua própria identidade.
Crentes de origem Mulçumana enfrentam muitas vezes a oposição dura não só do governo, mas também de sua família e amigos.

Topo

A verdadeira razão da perseguição

A perseguição não deve nos surpreender. Jesus nos diz que a perseguição do mundo é parte do que significa segui-lo. Jesus diz: " Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim... Se me perseguiram a mim, também perseguirão a vós outros." João 15: 18,20.

Paulo escreve a Timóteo que "todos quantos querem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos." 2 Timóteo 3:12.

Assim como Jesus foi à cruz, Ele disse: " Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me. Quem quiser, pois, salvar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a vida por causa de mim e do evangelho salvá-la-á." Marcos 8: 34-35.

Os cristãos em nações mais hostis podem viver longe de nós, mas como crentes sabemos que somos um com eles no corpo de Cristo. Não podemos ignorar seu sofrimento. A Clamor dos Mártires trabalha para ajudar, amar e encorajar cristãos perseguidos em parceria com a igreja no Brasil.

Topo

É possível eu apoiar um indivíduo em particular ou uma família?

Como regra, isso não é possível. Por uma questão de transparência e integridade financeira, dizemos isso porque nem sempre podemos garantir que podemos obter fundos em certas nações restritas. O sistema bancário em muitos países é muito diferente do nosso, tornando tais programas de patrocínio difícil ou impossível.

Além disso, se certos governos soubessem que uma família ou um indivíduo recebe regularmente dinheiro do exterior através de um programa de patrocínio, eles podem estar em grande perigo. No entanto, a Clamor dos Mártires criou fundos especiais, como o Fundo “Família dos Mártires”, que encorajam e ajudam famílias abandonadas pela prisão, exílio ou morte de um Pastor ou de um trabalhador cristão por causa da sua fé.

Topo

Por que a minha igreja não fala sobre a perseguição dos cristãos?

Há uma série de razões pelas quais os cristãos ocidentais tendem a ignorar ou permanecer em silêncio sobre a perseguição dos cristãos em todo o mundo:
1. As formas populares da “teologia da prosperidade” que enfatizam a prosperidade e a paz interior pessoal como os resultados inevitáveis da virtude espiritual. Muitas vezes estamos tão preocupados com a nossa própria paz pessoal, espiritualidade e bem-estar que não temos tempo ou interesse motivador na situação dos outros. Isso está claramente refletido na literatura, sermões e materiais de ensino que são populares entre muitos crentes ocidentais.

2. As formas nacionalistas de cristianismo que confundem Deus e país e / ou nos fazem, injustamente, equiparar nossos próprios problemas com a situação de outros que estão sendo perseguidos em outros países.

3. Falta de informações relevantes e atualizadas e apenas algumas boas fontes de informação sobre a situação da igreja perseguida. O silêncio ensurdecedor da mídia secular sobre a situação da igreja perseguida tem contribuído para limitar a discussão crítica desta questão para as poucas organizações que se concentram especificamente nele.

4. Os cristãos oprimidos muitas vezes não contam suas próprias histórias, seja pelo fato de que a perseguição é uma parte de sua vida diária que não parece significativa, ou por causa do medo da retaliação.

6. Um mal-entendido ou aplicação inadequada de passagens das escrituras que tratam explicitamente da perseguição. Relacionado a isso é uma negligência ou falta de consciência da intenção original dos autores da Escritura e / ou o ambiente social em que o Novo Testamento foi escrito.

Topo

 

Quantos cristãos são perseguidos por sua fé a cada ano?

A perseguição enfrentada pelos cristãos é a maior questão de violação dos direitos humanos no mundo de hoje.
De acordo com a Aliança Evangélica Mundial, mais de 200 milhões de cristãos em pelo menos 68 países tem seus direitos humanos fundamentais negados apenas por causa de sua fé.

Topo

 

O Pastor Wurmbrand ainda está envolvido com o ministério?

Não. O pastor Wurmbrand faleceu em 17 de fevereiro de 2001, juntando-se à sua esposa Sabina na eternidade. Até o final de sua vida ele era um guerreiro de oração em nome da igreja perseguida.

A Clamor dos Mártires continua a seguir a visão que Richard e Sabina Wurmbrand estabeleceram para o serviço a nossos irmãos e irmãs em nações restritas.

Topo

 

Como posso me envolver mais com Clamor dos Mártires?

Há muitas maneiras pelas quais você pode estar envolvido em sua igreja e comunidade com a igreja perseguida e VOM. Aqui estão algumas idéias:

• Inscreva-se em nossa Newsletter eletrônica para receber notícias diárias, pedidos de oração em outros, diretamente em seu e-mail

• Apoiar um projeto da Clamor dos Mártires para abençoar os cristãos perseguidos, tais como: “Bíblias e Literatura”, “Família dos Mártires”, “Trabalhadores de Linha de Frente”, “CdM Médicos” e “Ajuda a Igreja Perseguida”.

• Mostre vídeos da CdM para sua igreja, congregação, aula da escola dominical ou estudo bíblico.

• Convide um orador CdM para sua igreja.

• Organize uma reunião "Seja a Voz" na sua igreja. Para saber como fazer, ligue para 81 4141-5559 ou mande um e-mail para  falecom@clamordosmartires.org.br.

• Considere ser um porta-voz voluntário da CdM em sua área. Ligue para 81 4141-5559 ou mande um e-mail para falecom@clamordosmartires.org.br.

Topo

Como posso saber que as Bíblias são enviadas às pessoas certas?

A Clamor dos Mártires envia pessoal treinadas de um de nossos escritórios para garantir que as Bíblias ou qualquer outro bem sejam distribuídos às pessoas para as quais foram destinados. Também trabalhamos com líderes de igrejas locais dentro de nações restritas para garantir a entrega segura e correta da ajuda.

Topo

Você pode dar alguma informação pessoal sobre alguém que lê a respeito nos boletins de notícias? (nome da esposa, número de filhos, aniversários, idade...).

Às vezes temos essa informação e podemos liberá-la, mas em muitos casos não podemos divulgar essas informações para proteger a família e a pessoa sobre a qual escrevemos nas notícias. Em alguns casos, devemos usar um pseudônimo ou alterar certos detalhes da história para protegê-los.

Topo

Você poderia me enviar o nome e o endereço de uma pessoa em uma nação restrita?

Devido à natureza do trabalho da CdM, as pessoas que atendemos nem sempre podem ser contatadas por pessoas de outras nações. Em algumas nações, os cristãos nem sequer têm correios. Em alguns países restritos, muitas vezes é perigoso para as pessoas receber correspondência de cristãos de outro país. Eles podem ser perseguidos quando as autoridades mostrarem as cartas. Em algumas nações onde os cristãos são muito pobres, pode ser necessário dois dias de trabalho nos campos para ganhar dinheiro suficiente para comprar um selo postal.

Topo

A Clamor dos Mártires trabalha em quantos países?

A Clamor dos Mártires tem projetos para ajudar cristãos perseguidos em 68 nações restritas ou hostis até 2016.

Topo

Estou interessado em ir ao exterior para ajudar. Vocês fazem viagens de missões?

Devido à dificuldade de trabalhar em nações restritas e hostis, a CdM não patrocina viagens missionárias.

Topo

Acabei de descobrir sobre a Clamor dos Mártires, você pode me falar sobre o seu ministério?

Pastor Richard Wurmbrand fundou CdM há 50 anos (1967). Ele esteve na prisão na Romênia por 14 anos por sua fé em Cristo. Nos anos 60 ele e sua família foram resgatados da Romênia por U$ 10.000 e foram para os Estados Unidos onde ele começou a viajar, educando o mundo livre sobre as atrocidades cometidas contra os cristãos nos países comunistas e outros países restritos. Os cinco propósitos principais da CdM são baseados em Hebreus 13: 3. São eles:

1. Incentivar e capacitar os cristãos a cumprir a Grande Comissão em áreas do mundo onde são perseguidos por seu envolvimento na propagação do evangelho de Jesus Cristo. Conseguimos isso fornecendo Bíblias, literatura, transmissões de rádio e outras formas de ajuda.

2. Dar alívio às famílias dos mártires cristãos nestas áreas do mundo.

3. Equipar os cristãos locais para levar a Cristo aqueles perseguidores que se opõem ao Evangelho, nos países onde os crentes são ativamente perseguidos por seu testemunho cristão.

4. Realizar projetos de encorajamento, ajudando os crentes a reconstruir suas vidas e dando testemunho cristão em países que anteriormente sofreram a opressão comunista.

5. Enfatizar a comunhão de todos os crentes, informando o mundo das atrocidades cometidas contra os cristãos e lembrando da sua coragem e fé.

Topo

No momento, qual é a maior necessidade?

As necessidades em todo o mundo estão mudando constantemente, por favor, acesse nosso site onde encontrará todas as atualizações e acesso às nossas demais mídias sociais: www.clamordosmartires.org.br . Aí encontrará as necessidades. A maior necessidade é por oração. É a oração que muda as coisas e move o coração de Deus. É a oração também que os nossos irmãos perseguidos pedem antes de qualquer outra coisa.

Topo

Por que vocês gastam tanto em suas revistas de notícias com a cor e o tamanho que é impresso?

Um dos nossos principais propósitos, como Clamor dos Mártires, é divulgar a igreja perseguida e informar o mundo sobre a perseguição. Estudos mostram que mais pessoas vão responder (pegar e ler) uma revista de cores detalhadas do que uma que é menos detalhada. Devido à grande quantidade de revistas que estamos enviando, a cor custa apenas uma pequena fração a mais por revista do que a impressão em preto e branco, mas o detalhe fotográfico das fotos é inestimável.

Topo

Qual é a sua política de permissão de reimpressão?

Solicitação de materiais:

O material (texto e fotos) impresso no boletim da CdM ou exibido no site da CdM pode ser reproduzido sem permissão se:

1.For ser feitas menos de 500 cópias.
2. As cópias não forem ser vendidas ou dadas em troca de uma doação ou solicitação de uma doação.
3. O crédito é dado como segue:
Material fornecido pela Clamor dos Mártires:

Caixa Posta 8117 | CEP 51020-970 | Recife-PE Ou 81 4141-5559
www.clamordosmartires.org.br

4. Você está convidado a usar os livros e materiais de apresentação da CdM, desde que o crédito seja dado à CdM.

Você pode fazer o link direto para o nosso site sem permissão. No entanto, o material do site da CdM não pode ser copiado e publicado em qualquer outro site sem permissão prévia por escrito da CdM.

Todos os outros pedidos de permissão devem ser endereçados por escrito a: Caixa Posta 8117, CEP 51020-970, Recife-PE ou para o e-mail
falecom@clamordosmartires.org.br

Topo

Você tem uma opção para fazer doações automáticas através de contas correntes ou cartões de crédito?

Sim. Temos como receber contribuições regulares através de sua conta corrente, cartão de crédito ou cartão de débito. Se você estiver interessado, pode doar diretamente pelo nosso site através do botão "doação" no topo desta página, clique diretamente aqui ou também pelo telefone: 81 4141-5559.

Topo